Uma novidade lançada pelo Bacen (Banco Central) está dando o que falar. É um novo sistema de pagamentos instantâneo chamado Pix. É um sistema que promete revolucionar a forma que usamos atualmente para transferir dinheiro.

Saiba mais sobre ele, como usar e quais as vantagens que ele pode oferecer para o seu dia a dia. Confira!

O que é Pix?

Por meio desse sistema, você consegue receber uma transferência em dinheiro em questão de segundos. E não importa se é feriado ou final de semana: o dinheiro cai na hora sem precisar esperar o próximo dia útil.

Confira algumas das principais vantagens desse novo sistema de pagamentos:

Para as empresas, a transferência bancária por meio do Pix ainda vai ter cobrança, porém, por um custo menor em comparação ao que pagam atualmente. Além disso, alguns bancos vão oferecer esse tipo de transferência também de forma gratuita para quem tem conta PJ.

Transferência sem dados bancários

Um dos maiores problemas na hora de transferir o dinheiro para alguém é que, um único número errado e o valor pode ser retornado ou, ainda pior, enviado para a conta de outra pessoa e aí, adeus dinheiro.

Com o Pix você não precisa passar nenhuma informação da sua conta. Basta você usar o seu CPF, CNPJ, número do celular ou mesmo o e-mail. 

E não se preocupe porque essas informações não serão mostradas para o destinatário por completo. Assim, ninguém vai saber o número do seu CPF, por exemplo.

Solução para pagamentos instantâneos

Para quem tem um negócio, essa solução é pra lá de interessante. O Pix vai funcionar como um tipo de cartão de débito virtual.

Você vai poder pagar suas compras, contas da casa, entre várias outras coisas na hora. Para isso, você pode apontar a câmera do seu celular para o QR Code ou usando outras informações como o CPF ou o número do celular. Simples né?

Como vai funcionar na prática?

O Pix vai ser integrado ao banco que você já tem conta e, provavelmente, você já deve ter recebido alguma notificação para cadastrar a sua chave Pix. Assim, não será necessário baixar um aplicativo, por exemplo, para utilizar esse sistema.

No momento da transferência, um comprovante será enviado para o celular tanto de quem enviou quanto de quem recebeu o dinheiro. E o melhor de tudo? Você não vai pagar 1 centavo por nada disso.

Você não vai mais precisar pagar por TED ou DOC e não vai mais ter que se preocupar de a outra pessoa ter conta no mesmo banco que você para não pagar tarifa. A partir de 16 de novembro — lançamento do Pix — será tudo de graça!

Quer entender um pouco mais sobre o assunto? Então, confere o vídeo na íntegra!