A reserva de emergência é algo que todo mundo deve ter. Mesmo que você seja servidor público, ter uma reserva financeira é de grande importância. Para alguns é necessário guardar um pouco mais do que outros. Por exemplo, quem é empreendedor, o ideal é reservar dinheiro para, pelo menos, 12 meses. Bom a pandemia mostrou bem a todos a grande importância de ter dinheiro guardado.

É justamente para isso que a reserva serve. A gente nunca sabe quando vai acontecer um imprevisto. É claro que a pandemia era algo bem fora do cotidiano, mas alguns acontecimentos não são.

Por exemplo, o carro que você usa para trabalhar ou para ir ao trabalho pode dar problema e você vai precisar de dinheiro extra para pagar o mecânico e as peças. Se a encanação da sua casa der problema, você também vai precisar usar o dinheiro da reserva. 

Enfim, a reserva de emergência é mais do que essencial e você precisa começar hoje mesmo a montar a sua. Mas onde? A poupança é o melhor lugar para isso ou existem opções melhores, onde o meu dinheiro vai render mais? É exatamente sobre isso que vou falar agora, confira!

3 melhores opções para sua reserva de emergência em 2020

Com a queda drástica da Taxa Selic, muitas pessoas começaram a ver os seus rendimentos caírem, inclusive o da reserva de emergência. Por isso, vamos procurar outras boas opções que você possa resgatar esse dinheiro sempre que precisar.

1. Caderneta de poupança

Tem muita gente que ainda insiste em colocar o dinheiro na poupança, mas saiba que existem outras opções com rendimentos maiores. Mesmo que você pague Imposto de Renda (IR), ainda assim conseguirá maiores ganhos do que se deixar o seu dinheiro na poupança. Isso quer dizer que esta não é a melhor opção.

2. CDB

O CDB (Certificado de Depósito Bancário) é um tipo de investimento no qual você empresta o seu dinheiro para uma instituição financeira (banco) e este, por sua vez, vai te pagar juros por isso. O juros é o CDI, uma taxa utilizada de empréstimo entre os bancos. Essa pode ser uma boa opção e existem muitos bancos que oferecem esse produto, inclusive o BTG Pactual que é o que eu mais indico.

3. Tesouro Selic

Essa é uma opção ainda melhor. Mas por quê? Porque, neste caso, você está emprestando o seu dinheiro para o Tesouro Nacional e isso oferece maior segurança. Pense bem, é muito mais fácil que todos os bancos quebrem primeiro (ainda que seja uma realidade remota) do que o Tesouro Nacional, ou seja, o dinheiro do país.

Qual rende mais: CDB ou Tesouro Selic?

Essas duas opções rendem mais do que a poupança, mas entre elas, qual tem o melhor rendimento?

Bom, o CDB rendendo 100% do CDI consegue render um pouquinho mais que o Tesouro Selic, mas por quê? Porque no Tesouro Selic a gente precisa pagar a taxa de custódia que é de 0,25%. Como o CDB não tem essa taxa, então é uma melhor opção.

Como você pode ver, não é uma grande diferença e pode valer mais a pena ver qual é a opção mais segura. 

Quer ver mais opções de investimento para a reserva de emergência? Então, assista ao vídeo na íntegra