Tem gente que trabalha muito, ganha bem, mas não consegue ver o dinheiro. Não sabe para onde ele vai e não consegue tirar os sonhos do papel por causa disso. Talvez você esteja precisando esclarecer alguns conceitos importantes e é por isso que vou explicar aqui sobre as diferenças entre investir, poupar e economizar.

São palavras que, para a maioria, parecem sinônimos, mas é um engano pensar dessa forma. Saber o que, de fato, significa cada uma delas pode ajudá-lo a tirar os planos do papel de uma vez por todas. Confira!

Investir x poupar x economizar: entenda as diferenças

O que é economizar?

Basicamente é aquele dinheiro que sobrou do seu salário no final do mês. Alguns nem fazem ideia do que é isso e em outros casos, isso raramente acontece. 

Vamos pensar em um exemplo. Você está atrás de uma Smart TV para comprar e, é claro, está fazendo uma pesquisa de mercado. Digamos que você tenha separado R$ 2 mil para fazer a compra, mas encontrou uma loja que, à vista, em vez de R$ 2 mil, a TV ficava por R$ 1.800. Você comprou a TV e economizou R$ 200.

O que é poupar?

Poupar é o próximo passo, ou seja, em vez de usar esses R$ 200 para se dar um presente ou gastar com um belo jantar ou uma farra com os amigos, você vai guardar esse dinheiro. Assim, toda economia que for feita, você precisa guardar, ou seja poupar.

Confira também o vídeo sobre uma ótima solução para quem quer começar a poupar!

E, o que é investir?

Depois de economizar e poupar, chegou a hora de investir esse dinheiro, ou seja, se fazer com que ele trabalhe por você. 

Não precisa necessariamente ser um investimento em imóveis, ações ou coisas do tipo. Podemos pensar, por exemplo, em um curso. Um curso é um investimento, pois por meio do aprendizado, você vai poder gerar maior renda para o seu negócio ou mesmo começar um novo empreendimento.

Se você está pensando em pegar esse dinheiro que poupou para comprar um carro ou um celular de última geração sendo que são coisas que não vão te trazer retorno financeiro, então isso não é investimento.

Mas tudo depende do contexto. Por exemplo, se você compra um carro para trabalhar como motorista de aplicativo, então isso é um ativo, ou seja, um investimento. O carro vai te render lucros e quem sabe, o próprio trabalho acaba pagando o bem. O mesmo vale para a compra de um celular com uma boa câmera que vai ajudar você a construir uma audiência no YouTube para o seu empreendimento.

Confira também sobre a Semana do Investidor Iniciante!

E, se você está começando a investir e está com o dinheiro na poupança, então precisa assistir à série de Investimentos que estou fazendo no canal. Estou atualizando vídeos antigos sobre o assunto e, assistindo a todos os vídeos, você vai conseguir, tranquilamente, começar os seus investimentos.

Agora que você já sabe o que é economizar e poupar, está na hora de começar a investir. Assista à playlist Investimentos e se torne um expert no assunto!