Quando se fala em juros compostos, as pessoas costumam “torcer o nariz”. Isso acontece porque elas acham que esse tipo de juros só serve para subir o valor da fatura do cartão do crédito ou do cheque especial. Mas a história não é bem assim. Os juros compostos, quando utilizados da forma correta, podem fazer com que o seu dinheiro se multiplique, basta aplicá-lo da maneira certa.

Quer descobrir como isso pode se tornar realidade? Então continue lendo o post e descubra todas as vantagens que os juros compostos podem oferecer!

Diferença entre juros simples e juros composto

Para entender melhor como os juros compostos funcionam, precisamos compreender primeiro os juros simples. Lembra daquelas aulas de matemática que você nem prestou atenção achando que nunca precisaria de matemática financeira? Pois bem, então preste atenção agora.

Por exemplo, digamos que você tem 100 reais em mãos e acaba investindo esse dinheiro a uma taxa de 10% a.m.

No juros simples, esse valor, no primeiro mês, dará 110 reais, ou seja, o capital inicial — os 100 reais — multiplicado pela taxa de juros. No segundo mês, esse valor aumentará mais 10 reais, pois é o resultado do capital inicial multiplicado pela taxa de juros mensal, ou seja, um valor de 120 reais. E assim por diante. Assim, a cada mês o seu capital investido aumentará em 10 reais.

Agora vamos pegar esse mesmo capital inicial, ou seja, esses 100 reais e aplicar com juros compostos de 10% a.m. No primeiro mês de aplicação, o valor final será o mesmo do juros simples: 110 reais. Até aí, nada de novidade. A diferença mesmo começa a partir do segundo mês de aplicação.

Nesse caso, os 10% não serão mais multiplicados pelos 100 reais iniciais, mas sim pelo montante final, ou seja, pelos 110 reais acumulados do mês anterior. Agora, a conta que será feita é 110 reais multiplicados pelos 10% dando um valor de 121 reais (110 reais + 11 reais dos juros compostos). Assim, já podemos identificar os juros compostos trabalhando a seu favor.

A partir daqui já começamos a ter uma diferença no montante acumulado. Por exemplo, no terceiro mês, os 100 reais a juros simples resulta em 130 reais, enquanto que nos juros compostos, temos um valor acumulado de 133,1 reais. É dessa forma que os juros compostos podem aumentar o seu dinheiro e sem precisar de muito esforço.

Veja abaixo um gráfico que pode ajudá-lo visualmente a ver como os juros compostos podem ser benéficos para as suas finanças:

Hoje em dia existem vários sites nos quais você pode fazer a sua simulação de investimento com juros compostos e saber quanto terá de rendimento.

Como investir

Entender sobre os juros compostos é um dos primeiros passos para se tornar um  investidor. Praticamente todos os produtos disponíveis no mercado financeiro pagam juros sobre juros, uma maravilha! Poupança, cdb, lci, lca, tesouro direto, cri, cra, debêntures e por aí vai...

Os juros compostos realmente podem ser o vilão se usado contra você! . Por exemplo, entrar no rotativo do cartão de crédito é um péssimo negócio. Essa é uma ótima forma de acabar com a sua vida financeira e com a sua tranquilidade. Mas quando bem utilizado, esse tipo de juros pode fazer você viver uma vida muito mais tranquila, especialmente durante a aposentadoria, por exemplo.

Quer começar a investir, mas não tem um grande capital inicial? Então descubra como investir com pouco dinheiro e obter uma boa rentabilidade!